sábado, junho 02, 2012

História do Mobiliário

Pessoal antes de mais nada, um sabádo maravilhooooso para todos vocês!!!!!!!!!!!!!!! Aqui no sul com um dia lindo, frio e ensolarado. Pedindo um passeio em família.

Como ainda não terminei o projeto que tinha para postar, vou fazer aqui uma retrospectiva no tempo. A história do mobiliário. Como tudo começo... Até chegar a ambientes lindos que postamos em blogs, facebook, etc. Cada móvel que escolhemos ainda guarda a identidade de um grande Designer e Arquiteto do passado. Como Luis XV,  que se apresenta hoje, bem atual nas salas com suas poltronas com pés com adornos, espaldar desenhado.

Segue então aqui um pouco do que to aprendendo pra dividir com vocês, que amo de paixão.

Vou começar bem pelo começo, com as civilizações primitivas, como Egito(3200A.C - 200A.C.)
Mesopotâmia ( 250A.C. - 600 A.C) Grécia (+- 600 A.C. - 300 A.C.) Roma ( +- 500 A.C. - 476 D.C).


Egito

O tempo é para percebermos que eles estavam em alguns momentos acontecendo no mesmo tempo e recebiam influências um do outro. Nas civilizações antigas, os móveis e a propriedade de vestir o ambiente era da sociedade rica e poderosa, das Rainhas.
cama do Egito

Peça utilizada para apoiar a cabeça


No Egito, com as pirâmides verificou-se que tudo era levado junto com eles, ali com escavações se encontrou mobiliários ja produzidos em massa feito por artesões. Percebeu-se que as famílias reais possuíam dois tipos de louça uma para o dia-a-dia  feito de barro e um de alabastro para ocasiões especiais. Nesta época não havia mesa de jantar, era tudo colocado em mesas baixas. Não se possui nos escritórios cadeiras e nem escrivaninhas, pois os papiros era duros e precisava-se que se apoiasse com os joelhos para escrever. Os guarda-roupas eram feitos de tijolos, onde criava-se armários embutidos. As camas da época eram feitas com madeira importada, pois a madeira da região a Palmeira era uma madeira de difícil manuseio. Um característica interessante das camas é as patas das mesmas que eram torneadas como patas de leão e os reis dormiam com um suporte de nuca de madeira, pra min nada confortável. As cadeiras todas tinham como característica as patas de animais nos pés. Eles tinham orgulho de suas camas revestidas com couro filetes de couro para sustentação. Suas pinturas nas pirâmides já retratava a vida diárias dos faraós, seu mobiliários e utensílios que usava.

Mesopotâmia 


O palácios desta época ja erma cheios de ambientes, muito bem ventilados e grandes pátios . Os móvies devido a falta de madeira aproveitável eram feitos de canã e argila. Composto por cama, mesa e cadeiras e os armários eram substituído por cofres e arquinhas de barro. O piso era coberto com esteira. Nas casas nobres  possuíam custosos móveis de madeira nobre. Documentos  importantes desta época era guardados em jarras de  barro. Nos leitos de repouso era notável os almofadões  próxio a cabeceira, com um curvatura para apoiar o braço. Estes almofadões muitas vezes produzidos de tapeçaria eram adornados com franjas e borlas. Os móveis Persas tinham bastante influência Grega, pois havia bastante intercâmbio entre os dois povos. Desta época não se tem muitos móveis, pois não sobro e nem foi encontrado muita coisa, apenas dos desenhos feitos da época.



Vamos então dar uma passada pela Grécia.

Grécia


A casa grega dos primeiros tempos  até um pouco mais , sofreu uma grande transformação, o que antes era construído de tijolo  quadradas ou retangulares, com teto plano ou pontiagudo com mudanças políticas mudaram também as construções. As casas passam a ampliar o pátio e o número de aposentos para escravos. casas de aluguel eram raras, cada um possuía a sua casa. As pessoas passavam pouco tempo dentro de casa, os belos parques e majestosos templos da Grécia pertenciam a todos, assim como estádios e teatros. O que fazia com que o grego não morasse em casa , mas na Grécia.

Os móveis Gregos não se destinava a um lugar específico , era totalmente independente da arquitetura, com exceção do trono, símbolo de soberania. Os móveis eram retos e duros, mas com as mudanças, passaram a representar relevos do Partenon, cadeiras de braço, leitos de repouso para as refeições(somente os homens podiam comer reclinados) As mulheres e crianças comiam sentados e quando havia convidados eram obrigados e se retirar para outro aposento. As cadeiras existiam dois tipos usados na época Difros e Klismos. A Difros era uma cadeira sem espaldar, de fácil manuseio, podia ser levada pelos escravos. A Klismo era uma cadeira de pernas e encosto curvo com patas de leão ou cachorro. Ar arcas guardados dos Gregos, eram decorados com cores vivas, pintados em listras com frisos de palmetas, meandros ou outros motivos Gregos. Podendo ser ainda ornamentados com metais nobres para guardar jóias.

Aqui como nos demais a iluminação era feita com lâmpadas  de azeite: candelabros, lâmpadas de pé ou presas aos teto.




Nenhum comentário: